ARAC
16 Julho 2019 | 12:25
Notícias
2019-07-15Smart Cities para pessoas inteligentes
As vilas e cidades tendem a evoluir para um uso inteligente, adoptando modelos de organização resultantes da combinação de tecnologias de informação, de comunicação, de automação, na implantação de sistemas de sinais de trânsito inteligentes, controle de disponibilidade em parques de estacionamento, iluminação pública, wi-fi nas praças e ruas, contadores de água que emitem avisos em caso de anormalidade de consumos e de avarias, bicicletas eléctricas partilhadas, transporte a pedido, e um sem-número de aplicações e automatismos.+
2019-07-15Voo atrasado ou cancelado? Como e quando reclamar
2019-07-15Vendas do grupo PSA caíram quase 13% no primeiro semestre
O grupo francês PSA vendeu no primeiro semestre 1.903.370 automóveis em todo o mundo, uma queda de 12,76% em relação ao mesmo período de 2018.+

Notícias



Uber quer encaixar 8,9 mil milhões com IPO
JORNAL DE NEGÓCIOS


A Uber pretende entrar em bolsa e arrecadar cerca de 10 mil milhões de dólares (8,9 mil milhões de euros), avança esta quarta-feira a Bloomberg. A confirmar-se, será o maior IPO do ano nos EUA e um dos dez maiores de sempre no país.
A Uber pretende entrar em bolsa e espera arrecadar até 10 mil milhões de dólares (cerca de 8,9 mil milhões de euros), naquele que poderá ser o maior IPO (Oferta Pública Inicial) deste ano nos EUA e um dos dez maiores de sempre no país, noticia esta quarta-feira a Bloomberg.

Citando fontes próximas do processo, a Bloomberg refere que a plataforma de transporte em veículos descaracterizados poderá apresentar o pedido formal já esta quinta-feira.

A empresa, refere a mesma fonte, iniciará um "road show" este mês e deverá ser admitida em bolsa já em maio. A Uber pretende cotar na New York Stock Exchange (NYSE) e conta com a assessoria do Morgan Stanley, Goldman Sachs e Bank of America.

A apresentação do pedido formal para entrada em bolsa implica que, pela primeira vez, serão conhecidos os números da Uber, quer em termos financeiros quer em termos operacionais.

Em fevereiro, a Uber indicou que faturou 50 mil milhões de dólares (44.368 milhões de euros) no ano passado em reservas dos seus serviços, uma subida de 45% face a 2017. As receitas líquidas situaram-se nos 11,4 mil milhões de dólares (10,1 mil milhões de euros). A empresa encerrou 2018 com prejuízos de 1,8 mil milhões de dólares (1,6 mil milhões de euros), uma melhoria de 15% em relação ao ano anterior.

Após a notícia sobre a intenção da Uber de entrar em bolsa, as ações do Softbank, um dos principais acionistas da empresa, inverteram das quedas e subiram até 1,9% na bolsa de Tóquio.

Os investidores estarão atentos aos números divulgados pela Uber e poderão compará-los com os da rival Lyft, que entrou em bolsa no final de março.

A mais recente avaliação de mercado da Uber, quando a Toyota investiu na empresa no ano passado, apontava para um valor de 76 mil milhões de dólares (67,4 mil milhões de euros).


Área Reservada
Como constituir uma empresa de Rent-a-Car
Quer Alugar Carro?
Siga-nos
Seara.com