ARAC
21 Julho 2018 | 16:39
Notícias
2018-07-20Governo e patrões em choque frontal na linha da Beira Alta
CIP emitiu ontem um comunicado crítico face aos investimentos do Governo para a rede ferroviária nacional. Em entrevista, o presidente do Conselho da Indústria da CIP, Luís Mira Amaral acusa o Executivo de estar a fazer remendos em linhas velhas.+
2018-07-20Mais de 400 mil condutores apanhados pelos 30 radares do Sistema Nacional de Controlo de Velocidade
Um sistema para deteção automática da infração de excesso de velocidade, composto por 30 radares móveis instalados em 50 locais considerados críticos, apanhou 400 mil condutores em 11 meses.+
2018-07-20A estranha história da taxa turística no aeroporto que existe desde 2015 e nunca foi cobrada
A taxa turística no aeroporto aparece em todos os regulamentos da Lisboa desde 2015. A ANA pagou-a uma vez porque "estava entre a espada e a parede". Acaba no outono sem nunca ter sido cobrada.+

Notícias



SIVA: "Se a Volkswagen vir que não consegue produzir na Autoeuropa vai para outro lado qualquer"
Jornal de Negócios


A empresa que vende a marca Volkswagen defende que o agudizar do conflito laboral na Autoeuropa não vai afectar as entregas do novo modelo aos clientes portugueses.

"Não acredito [que as entregas sejam afectadas]. Mas acredito que se a própria marca vir que não vai conseguir produzir mais de 200 mil carros na Autoeuropa arranjará maneira de os produzir noutro lado qualquer", disse o administrador da SIVA, Pedro de Almeida, esta sexta-feira, 5 de Janeiro.

"Acho que isso não vai acontecer [deslocalização da produção]. Mas éum absurdo esta discussão num país que cresce 1%-2%, e numa fábrica que pesa mais de 1% do PIB e com mais de 4 mil postos de trabalho. Há pessoas que têm de trabalhar ao sábado, é chato, mas não entendo como não se chega a um entendimento. Acho que há aqui um braço-de-ferro absurdo, na minha opinião", afirmou o responsável da empresa que vende Volkswagen, Audi e Skoda.

"Não estou a dizer quem tem ou não tem razão. Acho que é uma derrota para os portugueses", disse Pedro de Almeida num encontro com jornalistas para fazer a apresentação dos resultados anuais da SIVA.

Recorde-se que as negociações entre a comissão de trabalhadores e a administração da Autoeuropa vão ser retomadas na próxima terça-feira, 9 de Janeiro, depois dos trabalhadores da fábrica da Volkswagen em Palmela terem chumbado o segundo pré-acordo laboral sobre a compensação e descanso relativamente ao trabalho ao fim-de-semana.

A Autoeuropa vai começar a produzir aos fins-de-semana a partir do final de Janeiro de forma a conseguir cumprir com a sua meta de produção de 240 mil automóveis em 2014.



Área Reservada
Como constituir uma empresa
Quer Alugar Carro?
Siga-nos
Seara.com