ARAC
27 Fevereiro 2021 | 06:10
Notícias
2021-02-26TURISMO INDUSTRIAL: “TEMOS AQUI UMA OPORTUNIDADE DE OURO”
Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, participou ontem, dia 25 de fevereiro, no encerramento do 3º Webinar Turismo Industrial em Portugal”,+
2021-02-26UNIÃO EUROPEIA ADMITE CRIAÇÃO DE “PASSAPORTE DE VACINAÇÃO” ATÉ AO VERÃO
No rescaldo da reunião do Conselho Europeu, o Primeiro Ministro, António Costa+
2021-02-26ESPANHA E PORTUGAL MANTÊM FRONTEIRAS FECHADAS ATÉ 16 DE MARÇO
O controlo de pessoas nas fronteiras entre Portugal e Espanha vai manter-se até 16 de março+

Press - Releases

Press - Releases
07-02-2020
COMPRAS DE VIATURAS POR EMPRESAS DE RENT-A-CAR NO MÊS DE JANEIRO DE 2020

O mercado português de veículos ligeiros de passageiros e comerciais ligeiros encerrou o mês de janeiro com um volume de vendas de 17.018 unidades, registando um decréscimo de 8,5% face mês homólogo do ano anterior, segundo elementos fornecidos pela ACAP – Associação Automóvel de Portugal.

No canal de rent-a-car as aquisições de ligeiros de passageiros novos atingiram as 2.002 unidades.

No que respeita a veículos novos o conjunto das empresas associadas da ARAC que se dedicam à atividade de aluguer de curta duração (veículos ligeiros de passageiros e comerciais ligeiros) adquiriram no mês de janeiro um total de 2.477 veículos face aos 2.482 adquiridos em período homólogo do ano anterior.

O rent-a-car continua a afirmar-se de forma clara como o maior comprador de veículos automóveis novos em Portugal, registando no mês de janeiro aquisição de 2.002 veículos ligeiros de passageiros e 475 veículos ligeiros de mercadorias.

Na composição das aquisições referidas, prevalecem (á semelhança do mercado nacional de um modo geral) os segmentos A, B e C representaram em junho a maioria das aquisições efetuadas pelas empresas de rent-a-car.

O rent-a-car é um setor decisivo para a modernização do parque automóvel nacional através da colocação após a utilização dos veículos no comércio, de um número significativo de veículos de ocasião (os chamados veículos semi-novos), substituindo-se assim veículos antigos por veículos recentes e com motores mais eficientes e amigos do ambiente a preços mais convidativos para o público em geral.

O Turismo é atualmente o maior mercado das empresas de rent-a-car representando cerca de 60% do seu volume de negócios.

A atividade de aluguer de viaturas em regime de curta duração constituiu uma importante componente da Economia Nacional, com especial destaque para o Turismo.

A ARAC representa cerca de 96% das empresas de aluguer de curta duração a operar de forma legal em Portugal.

Lisboa, 07 de fevereiro de 2020

ARAC

Gabinete de Comunicação


Faça Download aqui
Área Reservada
EMPRESAS JÁ DETENTORAS DO SELO "CLEAN & SAFE"
Como constituir uma empresa de Rent-a-Car
Quer Alugar Carro?
Siga-nos
Seara.com